atendimento@linsen.com.br
Entre em contato conosco, ligue(27) 3075-6060
As principais dicas para você ter olhos saudáveis

Ter olhos saudáveis é algo muito mais importante do que imaginamos. Você sabia que cerca de 80% das informações que recebemos chegam por eles e que 70% dos nossos receptores sensoriais estão em nossos olhos?

Apesar de sua importância, muitas pessoas não dão atenção à sua saúde ocular. Uma pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e estatística) apontou que mais de 35 milhões de pessoas, o que representa 19% da população brasileira, sofrem com algum problema de visão.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que, até 2020, haja um crescimento de indivíduos com glaucoma, uma das principais doenças que podem atingir a visão, de 60 para 80 milhões. Outro dado alarmante é que até 80% dos casos de cegueira poderiam ser evitados ou tratados se diagnosticados previamente.

Esses resultados revelam que há espaço para que se aja de modo preventivo para manter os olhos saudáveis. Veja, a seguir, 8 dicas para ajudá-lo nessa tarefa.

1. Tenha cuidado com sua alimentação

Assim como há alimentos recomendados para pessoas com algum tipo de intolerância ou doença, há, também, para manter os olhos saudáveis.

Peixes (como atum e salmão), ovo, nozes, vegetais de folhas verdes, azeite virgem, alho e cebola são exemplos de alimentos que ajudam a ter uma visão saudável.

2. Pratique exercícios físicos

estudos que indicam que, do mesmo modo que praticar exercícios físicos ajuda a pressão do organismo a permanecer dentro do normal, os aeróbicos também podem contribuir para reduzir a pressão intraocular. Atividades, como corrida e ciclismo, têm o potencial de estabilizar essa pressão, mesmo em casos como o de glaucoma.

Entretanto, alguns exercícios, como o levantamento de peso e determinadas posições de ioga, por exemplo, podem elevar a pressão ocular. Antes de iniciar qualquer tipo de prática, é essencial consultar um médico.

3. Diga adeus ao cigarro

Fumar causa aumento da pressão intraocular e pode levar ao desenvolvimento de glaucoma, catarata e degeneração macular relacionada à idade (DMRI).

Se você é fumante passivo, também pode estar colocando a saúde de seus olhos em risco: a fumaça do cigarro pode piorar os sintomas de quem tem olhos secos, causando lacrimejamento excessivo, ardência, entre outros problemas.

4. Use óculos de sol ou lentes com proteção UV

É fundamental proteger os olhos da exposição aos raios UVA e UVB sempre que estiver em ambientes externos. A exposição a eles causa diversos problemas aos olhos, como a danificação da córnea, o aumento da incidência de catarata e, quem tem DMRI, pode apresentar piora efetiva na patologia.

É possível proteger-se utilizando óculos de sol ou lentes de contato especiais que bloqueiem esses raios – nesse caso, a proteção é potencializada, uma vez que parte dos raios chega aos olhos pelas laterais dos óculos.

5. Faça a limpeza das lentes de contato

Quem usa lentes de contato deve ter um cuidado com a sua limpeza. É importante a utilização dos produtos corretos e com a frequência indicada para evitar o aparecimento de bactérias que podem ser prejudiciais à saúde dos olhos.

É fundamental, também, ter uma higiene correta tanto das mãos, que irão manipulá-las, quanto das próprias lentes, pois, caso contrário, há chances de desenvolvimento de infecções na região dos olhos.

6. Tenha cuidado com o uso excessivo do computador

O uso excessivo do computador pode ser um vilão para quem quer ter olhos saudáveis. Ficar olhando para qualquer tela iluminada durante horas pode deixar os olhos cansados, secos, sensíveis à luz, irritados, vermelhos, entre outros problemas.

Esse conjunto de efeitos gera a chamada síndrome da visão de computador. Conforme estudoentre 70% e 90% das pessoas que trabalham com computadores apresentam um ou mais desses sintomas. Outro efeito negativo do uso prolongado de gadgets é o desenvolvimento de visão turva ou dupla.

Especialistas recomendam que, a cada hora de uso de computadores, por exemplo, seja feita uma pausa de pelo menos 5 minutos, e que seja mantida uma distância de 50 centímetros entre o usuário e a tela. Outro cuidado é piscar mais os olhos. Quando ficamos focados na tela, piscamos menos, reduzindo a lubrificação ocular.

7. Não utilize maquiagem velha ou com validade vencida

Depois de três a quatro meses, produtos de maquilagem costumam acumular bactérias. Portanto, é preciso ficar atento e observar a data de validade da maquiagem que você passa na região dos olhos.

Dica: se você usa lentes de contato, veja em nosso blog dicas fundamentais sobre como escolher, aplicar e remover sua maquiagem de modo prático e seguro.

8. Consulte um oftalmologista

Se você costuma fazer um check-up anual, por que não incluir a ida a um oftalmologista nessa lista? Isso é altamente recomendável. Pessoas com quadros clínicos mais delicados devem fazer visitas mais frequentes, para o acompanhamento dos tratamentos oftalmológicos.

Entretanto, essa prática é indicada para todos, contribuindo para a detecção de problemas de modo precoce (o que favorece a reversão ou estagnação do quadro). Verifique com seu médico qual é a regularidade indicada por ele e não se esqueça de agendar as consultas nos períodos estipulados.

Você já deve ter ouvido a afirmação de que “os olhos são a janela da alma”, certo? Eles têm extrema importância no nosso dia a dia e exigem cuidados simples, mas que fazem toda a diferença para manter os olhos saudáveis.

Você ficou com alguma dúvida sobre como manter os olhos saudáveis? Tem alguma dica adicional? Deixe seu comentário.

LIN_J2333_R01_Experiência-Linsen_CtA

Deixar Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *